Como Consumir Mais E Perder Peso

Como Comer Mais E Perder Peso


O nome poderá até parecer custoso, dieta cetogênica. Porém a descrição é claro: trata-se de um regime alimentar que prevê um grande consumo de gordura e de proteína e uma baixa ingestão de carboidratos, defendido pouco tempo atrás como uma maneira capaz de emagrecer. Marcelo Campos, professor da Escola de Medicina da Instituição Harvard, nos EUA. Campos no início do artigo "Dieta cetogênica: a última dieta com baixo teor de carboidratos é legal pra você?", publicado no fim do mês passado na Harvard Health Publications , revista da escola. Sua conclusão é que ela se contou produtivo pela perda rápida de peso, contudo seus efeitos no comprido tempo, inclusive à saúde, são desconhecidos. Veja mais conteúdos sobre este tema falado http://www.hurriyyet-az.com/cha-herbalife-veja-como-ele-da-certo/ .Ou seja: é necessário fazer várias considerações antes de decidir aderir.


http://www.hurriyyet-az.com/cha-herbalife-veja-como-ele-da-certo/

A história dessa dieta é um pouco mais antiga, e não obrigatoriamente ligada ao emagrecimento - por vários anos, ela esteve vinculada ao tratamento de casos de epilepsia resistentes a remédios. Em 2008, publicações científicas estamparam a notícia: "Uma dieta especial rica em gordura ajuda a controlar os ataques de epilepsia em crianças". Era o que defendia um estudo britânico publicado em maio daquele ano pela revista científica The Lancet Neurology.



  • Anemia ferropriva

  • 2 - Tríceps no Banco


  • três- Troque Sempre de Treino

  • Feijão frade

  • olha esse agora
  • Evolução no tratamento da osteoporose


De acordo com a procura, a intensidade dos ataques epilépticos caiu consideravelmente em criancinhas e adolescentes após a adoção da dieta cetogênica. Entre quem seguiu a dieta, as crises convulsivas se reduziram em 2 terços. Imediatamente entre quem manteve a dieta normal, as convulsões continuaram ocorrendo com a mesma regularidade. Participaram do estudo 145 criancinhas e jovens, entre dois e 16 anos, em quem ao menos dois medicamentos contra o problema não surtiram o efeito desejado.


Em teu texto, o médico Marcelo Campos explica como a dieta age no corpo humano. Campos explica que esse modo é muito típico e depende de cada indivíduo. Ou seja, outras pessoas devem de dietas ainda mais restritas para que este processo seja iniciado. O especialista explica que a dieta cetogênica acrescenta o consumo de muitas carnes (entre elas, processadas), ovos, salsichas, queijos, pescado, nozes, manteiga, azeite, sementes e verduras fibrosas.


Como a dieta é muito restritiva, diz o médico, é muito árduo segui-la no longo prazo. Campos alerta, porém, que pacientes com doenças renais devem ser muito cuidadosos, uma vez que essa dieta poderá piorar tua situação. E lembra de eventuais efeitos colaterais. Todavia ele ressalta que essa diferença na perda de peso "parece desaparecer com o tempo". Um dos estilos que causa controvérsia é o efeito da dieta perante os níveis de colesterol. Não obstante, não há uma investigação que analise os efeitos da dieta no colesterol em longo tempo. Ao invés começar a acompanhar a próxima dieta da moda, por várias semanas ou meses, trate de se envolver numa alteração que seja sustentável em extenso tempo.


Indisposição e raciocínio lerdo são capazes de acometer quem está de dieta. Os lanches acabam com isto. Se você consome pão no café da manhã e arroz no almoço, evite carboidratos nesse lanche. Prefira opções ricas em proteínas, vitaminas e minerais. Um potinho de iogurte de morango (cinquenta e nove kcal). Um pacote nanico de frutas liofizadas ou desidratada (cem kcal). Em geral, a tarde é marcada por uma queda do grau de energia do corpo humano. Por isso, é a hora certa de fazer um lanche mais cheio de carboidratos. Uma barrinha de gergelim (37 kcal).



Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *